Skip to content

Fundarpe realiza avaliação de Microprojetos Mais Cultura

novembro 6, 2009
Publicado originalmente no Portal Pernambuco Nação Cultural em 03.11.2009

Desta terça-feira (03) até a próxima sexta-feira (06), os projetos inscritos na seleção para Microprojetos Mais Cultura passam pela avaliação final, realizada por equipe técnica da Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco (Fundarpe). A Fundarpe contabilizou 292 projetos inscritos até o prazo final das inscrições, em outubro. Desses, 23% representam o Agreste Central, 11% vêmdo Agreste Meridional, 11% correspondem ao Agreste Setentrional, 6% dos projetos são do Sertão Central, 7% são representativos do Sertão de Itaparica, 7% são oriundos do Sertão do Araripe, 12% correspondem ao Sertão de Moxotó, 10% representam o Sertão do Pajeú e 13% dos projetos são originais do Sertão do São Francisco.

De acordo com Mauro Lira, coordenador do Programa Mais Cultura em Pernambuco, a seleção será baseada de acordo com critérios como adequação orçamentária, conteúdo cultural e distribuição por municípios. Antes do término das inscrições, todas as regiões de desenvolvimento contempladas receberam capacitações, que esclareceram dúvidas em relação ao edital e sobre os projetos. Cerca de 650 pessoas participaram das capacitações, realizadas nos pólos de Petrolina, Exu, Salgueiro, Floresta, Triunfo, Arcoverde, Garanhuns, Pesqueira e Taquaritinga.
Seis segmentos serão atendidos pelo programa: Artes Visuais, Artes Cênicas, Música, Literatura, Audiovisual e Artes Integradas. Cada iniciativa receberá de um a 30 salários mínimos. Os projetos deverão ser realizados e concluídos em um ano, a partir da data de assinatura do contrato entre os contemplados e o BNB. As iniciativas a serem contempladas deverão beneficiar jovens de 17 a 29 anos residentes na região. O resultado final será divulgado de acordo com calendário definido pelo Ministério da Cultura (MinC).

Fonte:
Portal Pernambuco Nação Cultural
Anúncios
One Comment leave one →
  1. novembro 6, 2009 5:19 pm

    Amigos,Ontem, mais uma vez estava prevista a votação da emenda constitucional 98/07, a nossa PEC da Música. A liderança do governo na Câmara e o PMDB (partido do governo do Amazonas) obstruíram a votação, pois queriam ajustes no texto.Foram mais de seis horas de reunião junto com o secretário da Receita Federal, bancada do Amazonas e lideranças do governo no Ministério das Relações Institucionais, a fim de se chegar a um consenso na redação da proposta. Ao final, alcançamos um texto que avança, pois introduz a música brasileira na Constituição Federal.O líder do governo, deputado Henrique Fontana, está publicamente incumbido de providenciar a última consulta ao ministro da Fazenda, Guido Mantega, nesta próxima semana. O presidente da Câmara dos Deputados, Michel Temer, está ciente e prometeu colocar o texto em votação. Nosso objetivo é produzir um consenso sobre a matéria e facilitar a aprovação da PEC da Música pelo Congresso Nacional. Otavio LeiteDeputado Federal

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: