Skip to content

PROGRAMAÇÃO DESTA QUINTA-FEIRA (06), NO 2º FESTIVAL DE CINEMA DE TRIUNFO

agosto 6, 2009
Saiba o que será exibido no penúltimo dia do evento:

Quinta-feira – 06/08

MOSTRA COMPETITIVA DE CURTA- METRAGEM DIGITAL

Horário: 16h
Classificação Livre

A Ilha (2008, Animação, 10 minutos, DF)

A ilha conta a história de Edu, um rapaz em uma grande metrópole. O filme aborda de maneira bem humorada os problemas e dificuldades de se viver em uma cidade grande, onde as aparências enganam e o simples ato de se atravessar uma rua pode ser um problema.

Feito Algodão Doce (2009, Animação, 9 minutos, PE)

Ana Maria é uma menina de dez anos cujo sonho é tocar uma nuvem. Ela é apaixonada pela arte, vê o mundo de uma maneira peculiar e divide com o pai esta visão.

Mostras Competitivas de Curtas-Metragens Digital e 35mm

Horário: 16h30min
Classificação 12 anos

Rainha dos Degredados
(2008, Ficção, 4 minutos, PE)

A partir do poema de Cida Pedrosa, “Rainha dos Degredados” conta uma breve história de relação curiosa de fé.

O Plano do Cachorro (2009, Ficção, 10 minutos, PB)

Cachorros vagam solitários esperando a morte chegar.

Priara Jô – Depois do Ovo, a Guerra (2008, Documentário, 15 minutos, PE)

As crianças Panará apresentam seu universo em dia de brincadeiras na aldeia. O tempo da guerra acabou, mas ainda continua vivo no imaginário das crianças.

Quintas Intenções (2008, Ficção, 10 minutos, RJ)

Neco e Vera, amigos da época de faculdade, se reencontram numa livraria e não conseguem dialogar com a mesma naturalidade de antes. À medida que o tempo passa, o espectador percebe que nem sempre o que é dito entre eles, condiz com o que de fato estão pensando.

A Casa dos Mortos (2008, Documentário, 20 minutos, Bahia)

Bubu é um poeta com doze internações em manicômios judiciários. Ele desafia o sentido dos hospitais-presídios, instituições híbridas que sentenciam a loucura à prisão perpétua. O poema A Casa dos Mortos foi escrito durante as filmagens do documentário e desvelou as mortes esquecidas dos manicômios judiciários. Bubu é o narrador de sua própria vida, mas também de seu destino de morte.

Superbarroco (2008, Ficção, 17 minutos, PE)

A ornamentação na ruína, o escuro no claro, o silêncio na voz, a imobilidade na ação.

São (2009, Ficção, 15 minutos, PE)

Lúcio descobre uma carta escrita pelo pai pouco antes dele morrer. O conteúdo da carta é tão perturbador que a sua vida conjugal muda. Ele se deixa envolver numa aura de silêncios e vácuos. Uma nostalgia mórbida traz a tona uma percepção doentia do seu relacionamento com Maria Luisa. Tornam-se incomunicáveis, provocando mútuo desencanto. Os dois iniciam um perigoso jogo de poder.

A Distração de Ivan (2009, Ficção, 15 minutos, RJ)

Ivan é um menino de 11 anos. Ele vive com a avó no subúrbio do Rio de Janeiro. Em meio ao seu cotidiano de brincadeiras e brigas com os amigos, ele irá amadurecer.

MOSTRAS COMPETITIVAS DE CURTAS-METRAGENS DIGITAL E 35MM

Horário: 20h
Classificação: 16 anos

Com as Próprias Mãos (2008, Ficção, 16 minutos, PR), de

Num imenso galpão os instintos animais de auto-preservação e destruição estão colocados frente a frente. Uma mulher inflige as mais diversas torturas a um homem a fim de obter respostas. Contudo as verdades podem ser mais duras do que as dúvidas.

Dez Elefantes (2008, Ficção, 15 minutos, RJ), de

Clara tem oito anos e mora com a mãe e irmão em sua casa no campo. Outro dia as crianças brincavam de pique-esconde. Pequenos incidentes.

Dossiê Rê Bordosa (2008, Animação, 16 minutos, SP),de

Fama? Ego inflado? Espírito de porco? Quais os reais motivos que levaram Angelí a matar Rê Bordosa, sua mais famosa criação? Este documentário em animação stop motion investiga este vil crime.

MOSTRA ESPECIAL – HORS CONCOURS

Horário: 20h30min
Classificação: Livre

Geração 65: aquela coisa toda (2008, Documentário, 90 minutos, PE)

“Geração 65: aquela coisa toda” reconstrói a trajetória desse movimento literário pernambucano, valorizando a palavra e suas possibilidades poéticas. Trata-se de um ilustrado panorama da safra de escritores surgidos na década de 1960, que marcaram definitivamente a cena cultural de Pernambuco, Brasil

Fonte: www.festivaldecinemadetriunfo.blogspot.com

CLIQUE E
CONFIRA A PROGRAMAÇÃO COMPLETA DO 2º FESTIVAL DE CINEMA DE TRIUNFO

Atenção: O BTB não se responsabiliza por eventuais mudanças na programação divulgada.

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: